“De sobremaneira”, outra vez

Um visitante do blogue Blogtailors pergunta-me por email se é correcto usar ‘de sobremaneira’ na seguinte frase:

“O espaço que encontrámos agradou-nos de sobremaneira

Remeti o meu interpelante para a rubrica 202 de Tento na Língua!  Mas, para o caso de não ter o livro, ou de, por qualquer outra razão, não lhe ser possível consultá-lo já, aqui vai a minha resposta que é redondamente ‘Não!’ “De sobremaneira”? Não! “Sobremaneira”, sim. Simplesmente ‘sobremaneira’, sem ‘de’ nem qualquer outra preposição.

Mas qualquer falante pode consultar os dicionários para ver se encontra lá a expressão como foi assim detectada. Não encontra, porque ela não está dentro da norma. Não existe, nunca existiu. Vamos, p. e., ao Dicionário Complementar da Língua Portuguesa, de Augusto Moreno, 1936, o mais antigo que tenho aqui à mão:

“Sobremaneira, adv. Muito; excessivamente; extraordinariamente.” 

Então, o correcto seria: “o espaço que encontrámos agradou-nos sobremaneira.”

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: